Servidores pressionam PCR e arrancam mesa de negociação


O Simpere marcou presença no ato unificado dos Servidores Públicos do Recife que aconteceu na manhã dessa quarta-feira (08) onde foi possível arrancar a primeira reunião da mesa de negociação geral. Com aproximadamente 300 trabalhadores e várias categorias como professores, agentes de saúde, enfermeiros, Auxiliares de Desenvolvimento Infantil e Especial, odontólogos, médicos entre outras.

Os servidores se encontravam no Pátio da Prefeitura exigindo uma reunião com o Secretário de Administração e Gestão Jorge Vieira, mas a resposta foi negativa, Com a resposta negativa da Prefeitura, a saída foi fechar a via para forçar uma reunião. A pressão feita obrigou a PCR receber uma comissão formada pelos vários segmentos entre eles Simone Fontana Coordenadora Geral do Sindicato dos Professores do Recife.

 

Os manifestantes foram atendidos por Carlos Muniz, secretário executivo de administração e gestão. A comissão expôs  o problema que tem sido a Prefeitura não abrir a Mesa de Negociação Geral para o conjunto dos servidores, além de alguns problemas latentes como a convocação dos aprovados no último concurso.

Carlos Muniz se comprometeu em garantir a primeira reunião no dia 14 de fevereiro para analisar a pauta já enviada no ano passado. Os servidores não encaram isso como uma vitória, mas um avanço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 + 20 =