COM PARTICIPAÇÃO DO SIMPERE, FÓRUM DISCUTE PLANO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

COM PARTICIPAÇÃO DO SIMPERE, FÓRUM DISCUTE PLANO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

Na manhã da última sexta-feira (20.09), ocorreu o II Seminário de Avaliação do Plano Municipal de Educação- PME- do Recife, organizado pelo Fórum Municipal Popular de Educação do município.

O objetivo central do Fórum é exercer o controle social, acompanhando à execução do Plano Municipal de Educação, suas metas e políticas públicas educacionais, bem como apresentar propostas para melhorar a qualidade da educação na cidade.

Cláudia Ribeiro, que representou o Simpere na mesa de abertura, atacou a política de meritocracia adotada pela prefeitura junto à mercantilização do ensino público frente ao Banco Mundial. “O avanço dos convênios das instituições privadas com a gestão pública é avassalador. O Banco Mundial, que concede empréstimos ao governo, mas em contrapartida, os municípios devem obedecer aos critérios do capital estrangeiro. Isso tira do estado a responsabilidade da manutenção da educação pública e retira a autonomia do professor“, denunciou.

Além do Simpere, o Fórum conta com 17 instituições ligadas ao movimento pelos direitos do(as) estudantes e trabalhadores(as), como CSP Conlutas, CTB, CUT, Sinpro, UEP, UESC, Conselhos Tutelares, Rede Mulheres Negra de Pernambuco, entre outros.

Gestão Resistência e Luta

Filiada à CSP Conlutas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 + catorze =