ASSEMBLEIA GERAL VOTA POR MANUTENÇÃO DAS ATIVIDADES REMOTAS

ASSEMBLEIA GERAL VOTA POR MANUTENÇÃO DAS ATIVIDADES REMOTAS

Uma importante assembleia da categoria aconteceu na manhã desta terça-feira (22). Professores e professoras decidiram por manter atividades REMOTAS, preservando, assim a vida.

A gestão João Campos (PSB/PDT) anunciou o retorno das aulas presenciais para o final de julho, demonstrando a sua irresponsabilidade com as milhares de vidas de professores e professoras e o conjunto da comunidade escolar. A maioria dos trabalhadores em educação não está totalmente imunizado, e a comunidade escolar ainda aguarda na fila para a vacinação. É um desprezo com as vidas e uma falta de respeito com os colegas que perdemos e estamos perdendo durante este período de Pandemia.

Definimos, portanto, permanecer em atividades REMOTAS em casa do dia 29 até o início do recesso escolar. Aprovamos também Decretação da Greve Sanitária e assim que retornarmos do nosso recesso, teremos uma assembleia para definirmos a Deflagração da Greve Sanitária ou não.

A luta contra a reforma da previdência municipal também foi tema do debate, que contou com as saudações de Rafaela Celestino, do SINPMOL, Liana Cirne, vereadora do PT e Dani Portela, vereadora do PSOL. Estivemos durante toda a última semana encabeçando uma resistência importante contra esta medida que pretende desmontar a nossa previdência municipal, atacando sobretudo servidoras públicas. A gestão João Campos demonstra a sua virulência e sua face neoliberal, machista e retirando direitos e preservando privilégios para grandes empresários.

De nossa parte, espera-se muita mobilização contra a possibilidade de ensino híbrido ou inteiramente presencial nos moldes insuficientes apresentados pela gestão da prefeitura. Simbolicamente, este debate acontece na semana em que se completam 500 mil mortos pelo Covid-19; dentre eles, centenas de professores e professoras de todo o país. Não queremos estar nas próximas estatísticas: em defesa da VIDA, votamos pela manutenção de TODAS as atividades REMOTAS e em casa. Estamos na luta pela conclusão de nosso processo de imunização com a vacina e pela ampla vacinação acima de 60% da população para os níveis de segurança recomendados pela OMS. Escolas fechadas, VIDAS PRESERVADAS!

SIMPERE Gestão Resistência e Luta Filiado à CSP Conlutas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 − seis =