Simpere soma forças em ato com os demais servidores e servidoras municipais do Recife

 

Na manhã desta quinta-feira (2 de dezembro) o SIMPERE marcou presença no ato unificado dos servidores públicos do Recife. A importante participação da nossa categoria através de seu sindicato fez parte dos encaminhamentos da assembleia realizada na última quarta-feira (01).

As diversas categorias transformaram a praça do Derby em uma tribuna para dialogar com a população. A atividade foi convocada pelo Fórum de servidores do Recife e teve como objetivo denunciar a desvalorização que enfrenta o funcionalismo público com esta gestão da Prefeitura.

No mesmo ano em que teve 70% de reajuste salarial João Campos oferece míseros 1,5% para os trabalhadores e trabalhadoras.

Como se não bastasse, a prefeitura não quer cumprir o acordo de 2020 e muito menos aplicar o piso no Plano de Cargos e Carreiras. João Campos não nos deixa alternativa a não ser intensificar a mobilização em unidade com o conjunto dos/as servidores/as públicos.

Andréa Batista, diretora do Simpere e Representante do Fórum dos Servidores do Recife salientou a necessidade de avançar nas negociações “A prefeitura precisa apresentar números concretos para o reajuste dos servidores, ele não pode achar que 1,5% é algo justo. Precisamos avançar nas negociações, não só em mesas gerais, mas também nos temas específicos, por isso, nós do Simpere já protocolamos um pedido para realização de uma reunião com a mesa específica de negociação”

A coordenadora Geral do SIMPERE Jaqueline Dornelas apontou a necessidade da valorização do serviço público para população “O prefeito João Campos não pode governar uma cidade como Recife sem valorizar o funcionalismo público. Somos nós que estamos na ponta do atendimento da população, principalmente a mais carente. Quando ele nega uma condição digna de trabalho para os servidores/as, ele também está precarizando o serviço público”.

O ato também fez um fechamento de ruas com cartazes e faixas para denunciar o descaso da PCR e a proposta indecente de reajuste para o conjunto dos/as servidores e servidoras.

O Simpere está no front junto com os demais servidores/as. Novas atividades serão realizadas para forçar a Prefeitura a tratar com dignidade seus trabalhadores/as.

SIMPERE – Gestão É Tempo de Mudança – Filiado à CNTE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

14 − 1 =