Docentes do Recife reafirmam o estado de greve contra o retorno às aulas presenciais e híbridas.

Docentes do Recife reafirmam o estado de greve contra o retorno às aulas presenciais e híbridas.



Vejam as resoluções que as professoras e professores do Recife decidiram em assembleia virtual nesta última quinta-feira (10/06):

– Ampla campanha publicitária contra a reforma da previdência municipal;

– Paralisação dos servidores municipais e participação no ato unificado dos servidores contra a reforma da previdência municipal na terça (15/06);

– Rejeição das propostas da reforma da previdência municipal;

– Adesão ao ato nacional do dia 19 de junho pela ampla vacinação, auxílio emergencial digno e contra Bolsonaro e Mourão;

– Manutenção do estado de greve contra o retorno híbrido ou presencial. Retorno só com a ampla vacinação da comunidade e do fim do processo do ciclo de imunização dos trabalhadores de educação e de nossa categoria de professores.

Simpere Gestão Resistência e Luta – CSP Conlutas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × dois =