📢⚠️ DENÚNCIA NO CAP!

📢⚠️ DENÚNCIA NO CAP!

 

A direção do *Simpere* esteve no Centro Administrativo Pedagógico (CAP) da Prefeitura na última quinta-feira(11/02), embora funcionando em sistema de rodízio, os trabalhadores terceirizados estão sendo obrigados a irem todos os dias de segunda a sexta. A vida desses trabalhadores vale menos?

Flagramos em algumas situações reuniões com *mais de dez pessoas* em salas fechadas e com ar condicionado ligado. A aglomeração em salas pequenas é preocupante, assim como a ausência do medidor de temperatura na entrada do prédio.

Na semana passada, um trabalhador do Centro Administrativo foi internado por causa da covid e segue em *situação grave*.

Será que é preciso perder a vida das Trabalhadoras e Trabalhadores do Centro Administrativo ou das escolas, sejam eles efetivos ou terceirizados, para verem que essa é uma política Genocida?

 

#EscolasFechadasVidasPreservadas
#VacinaParaTodosETodas
#VoltaAuxílioEmergencial

SIMPERE — Gestão Resistência e Luta — Filiado à CSP Conlutas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × dois =